Pular para o conteúdo principal

Receita: Iscas de peixe empanadas

Estive há poucos dias na praia e enfiei mesmo o pé na jaca. O resultado foi nada menos que +4kg na balança e todas as roupas apertando. O principal culpado: as iscas de peixe do hotel. Daquelas deliciosas - e pingando de óleo. Hoje deu saudade e resolvi adaptar pra algo menos engordativo, mas ainda gostoso. Cortei como iscas, empanei na farinha de rosca integral e assei na frigideira antiaderente com um pouquinho de azeite. Se brincar, ficou ainda mais gostoso. E como há semanas não venho compartilhar nada com vocês de receitas, aqui está:


Ingredientes:

- Meia bandeja de filé de dourada (mas pode ser qualquer filé que vocês queiram);
- 1 limão;
- Sal;
- Pimenta do reino;
- Ovo;
- Farinha de rosca integral;
- Azeite;

[Quem não achar a farinha de rosca já prontinha pra vender, pode preparar em casa. Tosta as fatias do pão integral (e quem quiser fazer com pão sem glúten eu acho que também dá certo) no forno e bate no liquidificador até virar pó.]

Preparo:


Corte o filé em pedaços pequenos, de mais ou menos 2cmx2cm. Não deve ficar muito grande senão ele não vai assar direito por dentro. Tempere com sal, pimenta e limão e separe.


Bata o ovo com um garfo até misturar bem a clara e a gema. Eu usei dois, mas achei que foi muito.
Em outro recipiente, misture a farinha de rosca com um pouco de sal.
Agora, passe os pedaços do peixe no ovo e depois na farinha de rosca, tirando o excesso. 


Depois de fazer isso com todos os pedaços, esquente uma frigideira antiaderente com um pouco de azeite (quem quiser e puder usar óleo de coco, ainda melhor) e coloque os pedaços de peixe já empanados. Lembre-se de deixar a panela bem quente, pra evitar que o peixe cozinhe ao invés de assar. Deixe o espaço de 2 dedos entre elas.


 Aí é só esperar dourar bem dos dois lados e pronto. O limão já vai ter dado início ao cozimento das iscas e ele fica bem macio por dentro.
De acompanhamento, coloquei só limão. Pra mim, é melhor que qualquer molho.




E bom apetite!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hirsutismo e acompanhamento.

De novembro pra cá tenho feito as sessões de laser em outra clínica (a ponteira da anterior quebrou e dois meses depois ainda não tinha voltado). O laser é o mesmo (Soprano), mas a aplicação é diferente: por varredura. E isso fez uma diferença incrível para suportar o incômodo. Hoje foi a minha quarta sessão nessa nova clínica, e me explicaram que as aplicações foram iniciadas com a varredura em uma área maior e intensidade 9, e foi intensificando aos poucos. Hoje foi feita na metade da área anterior e com intensidade de 12 joules. Foi bem mais incômodo, mas nada comparado a quando eu fazia com o Light Sheer, do qual eu saía literalmente com lágrimas nos olhos.
Com o Light a diferença veio mais rápido, é verdade, mas eu tenho preferido algo mais gradativo porém que eu consiga aguentar, pra não acabar desistindo. Apesar disso, a depilação já passou de 2 vezes ao dia para apenas 1, e os pelos estão bem mais falhos.
Mesmo sendo uma facada no ego, decidi fotografar meu rosto essa manhã com…

Hirsutismo.

Um dos motivos que mais pesaram para que eu voltasse a escrever é meu hirsutismo. Que bicho é esse?

"Define-se o hirsutismo (também chamado de frazonismo) como a presença de pelos terminais na mulher, em regiões anatômicas consideradas características do sexo masculino. (...) Esta condição resulta da ação de hormônios andrógenos circulantes na corrente sanguínea, levando a estimulação da unidade folículo-sebácea fazendo com que os pelos cresçam pigmentados, bem como aumento da produção de ácidos graxos saturados (sebo) e aumento do conteúdo de colágeno da pele, facilitando a proliferação de microorganismos cutâneos." Tem mais aqui.

Resumindo a missa: eu tenho pelos pelo corpo (desculpa, não consegui pensar numa forma melhor de escrever) como se fosse um homem. Sem exageros, ouso dizer que tenho mais barba que meu namorado (sim, estou namorando há quase 10 meses, mas este é outro assunto). Agora imaginem vocês o estupro no ego que é para uma mulher ter que se barbear todos os d…

Controle hormonal, laser e controle dos pelos

Oi, gente! Tudo bem?
Recebi algumas perguntas sobre os tratamentos que já fiz numa publicação de 2014 e decidi fazer um vídeo sobre as minhas experiências e impressões sobre cada tipo que já fiz.



Espero ter esclarecido algumas dúvidas.  Se vocês tiverem perguntas, comentem aqui embaixo ou lá no canal que em breve eu responderei. Sugiram, perguntem, critiquem - mas com carinho, tá?
Beijos!